Costeira, Destaque Home, Praia

Caiaque na Ilha Tamanduá Ubatuba – Galo, Ubaranas…

1

Fanático fez uma pescaria um pouco diferente e muito prazerosa.

Eu e meu amigo Galvão decidimos ir pescar de caiaque, como estava de férias no litoral norte e conheço muito  bem a região, decidimos tentar alguns peixes na costeira da tabatinga,  sendo o nosso objetivo isca artificial, jig com camarão, sapinho ns, entre outras na costeira da tabatinga  indo até a ilha da tamanduá.

A Pescaria

Na costeira da tabatinga existe um píer onde meu amigo Galvão já viu muitos robalos no mergulho, jogamos nossas iscas com camarões da monster na cor chá com gliter e da marca ns vermelho com jig de 7 g , não obtemos nenhuma ação nesse ponto.

Então fomos em direção para laje do Tamanduá, quando chegamos por lá o mar estava meio agitado, não conseguimos nos acomodar direito, muita correnteza, decidimos ir para costeira da Ilha da Tamanduá, chegando no ponto dei alguns arremessos e engatamos um Charelete,  mas ali o mar estava também bem agitado,   procuramos  ir para lugar abrigado só que não tivemos  nenhuma ação no mar calmo e tranquilo, os predadores adoram as espumas,  nos arriscamos mais uma vez para as espumas aonde a adrenalina era maior, como o mar estava meio sujo devido chuva forte a semana toda, estava difícil a visibilidade da isca para os predadores.

Então o Galvão, sugeriu de irmos pegar alguns mariscos,  quebrávamos ele pegávamos o crustáceo  dentro  amarrávamos no elastrico.

Voltamos para laje do tamanduá e começou a sair alguma cocoroca, animando a pescaria.

Como sou fanático por artificial tentei novamente algumas iscas artificias e nada de abocanhar.

Na hora de embora decidimos dar alguns arremessos do outro lado da laje, assim que joguei algo muito grande abocanhou a isca,  estou na dúvida se foi tartaruga ou um belo peixe, correu muito e a linha não aguentou, material leve, linha multi 20lbs e leader 30lbs, acabou estourando o leader, podia até ser um Flechão,  Xareu, devido as boas ações que tivemos nesse lugar…

Montei equipamento novamente com camarão e jig da mosnter,  recebo uma puxada incrível, joguei de novo e fisquei  era uma brigadora Ubarana,  esse peixe é muito esportivo, pulou algumas vezes fora d’água  saltou, no caíaque não teve jeito de tanto pular escapou, joguei novamente e outra só que essa consegui tirar, meu amigo Galvão também jogou pegou, era só felicidade, mas  ali estava bem perigoso um remava e o outro pescava pois quebram ondas e estávamos atentos nisso.

E era assim vice e versa hora ele hora eu, perdemos umas 3 a 4 ubaranas e junto com elas veio um belo galo, brigador demais esse peixe.

Pescaria ótima de caiaque, além de um grande esporte para o corpo e alma.

No último ponto e na persistência fizemos a nossa pescaria.

Muitas risadas, amizades de anos,  lembrando os momentos das pescaria da vida, lembranças da época que pescávamos na varinha de bambu num corregozinho e todos sujos de barro.

1 Comment

  1. RICARDO DE LIMA GALVAO 04/04/2016 at 5:30 pm -  Responder

    Foi uma Experiência muito boa que espero repetila mais vezes se Deus quiser

Comente sobre esta Pesca!

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Curta nossa FanPage

Últimos comentários

Flickr

    Fique por Dentro das Novidades

    Assine nosso Feed e fique por dentro de tudo o que acontece aqui no Fanáticos por Pesca. Aqui sua Pesca acontece...e aparece!